FABRICIO RODRIGUES

GERENTE DE MANUTENÇÃO

GRUPO LIBRA

Tema: Boas práticas da Manutenção Industrial aplicada na Manutenção de equipamentos portuários 

Sinopse: As boas práticas e gestão ativa contribuíram para que a atividade de  manutenção passasse apenas de área de apoio para ser peça fundamental na gestão dos processos industriais.
Nas décadas de 70 e 80 a manutenção era vista somente como despesa, funcionários sem treinamento e pouco técnica, índices altos de retrabalho, custos elevadíssimos e segurança quase “zero”. Pouco se fazia também na gestão de ativos e de pessoas.
Mas indústrias modernas entenderam que a manutenção merecia cuidados especiais e que, poderia sim, ser diferenciada e produzir economia para a cadeia produtiva em qualquer ramo industrial.
A partir disso a manutenção no Brasil começou a se profissionalizar, criando KPI´s, participando dos processos de auditorias e dos budgets das empresas. Assim a indústria estava trilhando seu caminho para o melhor aproveitamento de seus ativos e a maior disponibilidade possível sob demanda nas operações.
E o segmento portuário começou a acompanhar esta evolução, principalmente porque aproximadamente 42% do PIB nacional passam pelo complexo portuário de Santos.
Participe desta apresentação e conheça as melhores e o case de sucesso do Grupo Libra que pode ser alcançado por todos.

Currículo: Fabrício Rodrigues é Gerente de manutenção e aquisição de equipamentos portuários no Grupo Libra. Formado em Engenharia Eletrônica e pós-graduado em Engenharia da Qualidade, Fabrício atua há 19 anos na área de manutenção e projetos industriais em empresas nacionais e multinacionais.
Fundamentado na gestão de pessoas desde a formação técnica e comportamental até a revitalização do quadro de funcionários resultando numa melhor performance para a cia. e para os profissionais, ele possui uma grande vivência internacional na busca de inovação tecnológica, conquistando melhores resultados para o negócio (Citrus e Porto) e também na Gestão Humana (cultura americana).